Olá!

Tudo bem?

Para muitas pessoas fazer um planejamento financeiro pessoal é uma tarefa difícil. 

Mas a falta de um planejamento financeiro pessoal, ou seja, não fazer um planejamento financeiro pessoal pode te trazer uma série de problemas. 

Nesse artigo vou te fazer 9 Perguntas para Você Melhorar sua Relação o seu Planejamento Financeiro

Se você não tiver controle sobre o seu dinheiro vai gastar mais do que poderia, e vai acabar se metendo em dívidas.

O pior são os juros que você vai pagar e o tempo que vai levar para pagar suas dívidas.

E naturalmente você vai deixar de guardar para ter um capital que poderá te servir para várias coisas.

Veja que essas são algumas das razões para que você faça suas finanças pessoais organizadas.

Fazer o seu planejamento financeiro pessoal é mais fácil do que você imagina. 

Quando você fizer o seu planejamento financeiro pessoal pela primeira vez, vai ver que não vai ficar tão bom quanto você queria.

Mas o mais importante é dar o primeiro passo e começar, e com o passar do tempo você vai melhorando seu planejamento.

Para te ajudar elaborei 9 Perguntas para Você Melhorar sua relação o seu Planejamento Financeiro.

Vamos lá!

1. Quanto você ganha por mês?

O primeiro passo para começar a organizar suas finanças pessoais é sabendo quanto realmente você ganha.

Parece estranho falar isso, mas tem gente ainda que confunde o valor líquido com o valor bruto do salário.

Agora, se você é empreendedor ou empresário precisa saber quanto vai te sobrar no final do mês descontando todos os impostos.

 

2. Quanto você gasta por mês?

O segundo passo é saber exatamente quanto você gasta por mês.

Separe os gastos necessários dos gastos desnecessários. 

Monte uma planilha em Excel para você fazer o seu orçamento pessoal.  

Nessa planilha em Excel, registre todas as suas despesas do mês.

Clique AQUI e Baixe uma Planilha em Excel para você fazer o seu orçamento pessoal.  

 

3. Quais são os suas despesas desnecessárias?

As despesas desnecessárias são aquelas com entretenimento, uma roupa a mais, um calçado a mais, restaurantes, pizzaria, uma comida japonesa e por aí vai.

Essas são coisas, que você pode ficar sem tê-las que não vai te fazer falta.

4. Quanto você reserva para guardar na poupança todo mês?

Quanto mais cedo você investir melhor será o seu futuro.

Veja!

Se você ainda não começou, a dica é comece.

Evite perder tempo.

Defina um percentual mensal da sua renda para você guardar.

No início, e até você criar o hábito talvez você tenha um pouco de dificuldade.

Não precisa ser muito. Você pode reservar entre 10% e 30% do que você ganha por mês.

Assim você ficará mais seguro com o seu planejamento financeiro.

Dica:

Estabeleça uma meta. Tenha claro pra você o que vai fazer com esse dinheiro e passe que está poupando.

A meta pode ser qualquer coisa, como por exemplo:

Trocar de carro daqui há 2 anos, e siga a sua meta, poupe todos os meses.

 

5. Quanto você tem de reserva para uma emergência?

Os imprevistos podem acontecer a qualquer momento.

Para que você não seja pego de surpresa reserve uma parte da renda mensal para criar uma emergência e não mexa no dinheiro.

Fazendo essa reserva você terá mais tranquilidade e não vai precisar pedir empréstimo no banco.

 

6. Você compra à vista ou a prazo?

Na medida do possível compre sempre à vista e se livre da dívida o quanto antes. Quando você paga no ato da compra você ainda pode negociar um desconto.

Quando não puder comprar à vista negocie as melhores condições de pagamento.

Evite comprar no credito para evitar pagar juros.

 

7. Você acompanha o seu orçamento mensal?

Você deve conferir todo mês o seu orçamento.

Acompanhe o Planejado x Realizado se você estiver gastando mais do que planejou veja aonde está o furo e corrija o mais rápido possível.

 

8. A sua renda é menor do que você gasta?

O seu planejamento financeiro pessoal vai servir para que você identifique isso.

E se isso estiver acontecendo reveja o mais rápido que puder aonde você pode reduzir as despesas.

Normalmente aonde podemos reduzir é com lazer e com algumas despesas fixas que são importantes, mas que você pode diminui-las e não vai te fazer falta.

Para ficar mais fácil veja o que é menos importante e se puder corte de uma só vez.

 

9. Você usa cheque especial?

Procure evitar o uso do cheque especial. Os juros são muito altos.

E se precisar usar um empréstimo com o cartão de crédito faça uma pesquisa antes para ver o que vale mais a pena.

 

Conte comigo!

 

PS.: Se você tem alguma pergunta escreva para luchezzi@luchezzi.com

 

Leia também:

7 DICAS PARA VOCÊ SE ORGANIZAR FINANCEIRAMENTE

10 Dicas que Você Precisa Saber Antes de Pedir Aumento para o seu Chefe

14 Comportamentos ruins que Você Deve Evitar no Trabalho

 

 

 

 

Um Grande Abraço

Força, fé, coragem, perseverança, amor, disciplina, atitude e otimismo!

Celso Luchezzi