Olá!

Tudo bem?

 

Nesse artigo vou dar uma dica super importante para você fazer uma boa gestão no estoque da sua empresa, vou te ensinar Como Calcular Giro de Estoque.

Controlar a entrada e saída do estoque, não é uma tarefa fácil, e para completar esse controle para ter uma boa gestão de estoque é preciso calcular o giro de estoque.

O giro de estoque é mais uma forma de contribuição para o controle de estoque, ou melhor, é um indicador chamado que mostra o desempenho do estoque da sua empresa, que pode ser um comércio ou uma indústria.

Independentemente do tamanho da empresa ou do tipo de produto que produz e vende para ter um controle melhor de estoque e melhorar os lucros da sua empresa é preciso usar esse indicador.

A definição de giro de estoque que também é chamado de rotatividade de estoque de acordo com o SEBRAE é a quantidade vendida, em determinado período, do estoque mantido pela empresa”. 

 

O giro de estoque é usado para medir quantas vezes o estoque gira em um determinado período.

As análises do giro de estoque são:

  1. Se o giro do estoque for menor que 1, significa que em um mês o estoque não foi renovado;
  2. Se o giro for maior que 1, significa dizer que em um mês, o estoque foi renovado mais de uma vez.

O cálculo do giro de estoque é simples, basta você dividir o total das vendas de um período pelo estoque médio. Esse período pode ser o mês que você está trabalhando.

Veja a fórmula abaixo:

Fórmula do Giro de Estoque

 

O estoque médio, calculado pela média aritmética entre o estoque inicial e o estoque final no período.

Veja a fórmula abaixo:

Estoque Médio

Vamos ver um exemplo desse cálculo.

A empresa Beta iniciou seu estoque com R$20.000 e terminou o mês com R$10.000 e vendeu nesse mês R$30.000.

Vamos aos cálculos.

Exemplo de Cálculo de Estoque Médio

Vamos calcular o estoque médio e o giro de estoque.

Então temos:

Giro de Estoque

Agora vamos analisar.

O giro de estoque dessa empresa foi “2”, ou seja, o estoque girou duas vezes.

E isso quer dizer que o material que foi comprado girou duas vezes no estoque.

Uma outra possibilidade de analisar esse giro de duas vezes é pensando que se os materiais fossem perecíveis não ficaram parados no estoque e não chegaram a vencer o prazo de validade.

Ao mesmo tempo podemos dizer que não foi necessário muito espaço para armazenamento e que o fornecedor foi pago de forma fracionada o que contribuiu para o fluxo de caixa.

As vantagens de um giro maior é que:

  1. Se a empresa sofrer um sinistro (roubo ou incêndio) o prejuízo será menor;
  2. Ela tem menos custos de movimentação.

 

O interessante é quanto maior for seu giro de estoque significa dizer que melhor é a sua gestão de estoque.

Em outras palavras significa dizer que:

No comércio os produtos que você compra estão sendo vendidas e não estão parando em estoque.

Na indústria as matérias primas que foram compradas foram consumidas para serem produzidas nos produtos que são vendidos.

Tudo isso quer dizer que quanto mais vezes o estoque gira, mais a empresa ganha dinheiro e a sua gestão de estoque é bem melhor, porque você sabe o que compra para atender seus clientes e ao mesmo tempo você estará atendendo bem os seus clientes, ou seja, quando os seus clientes compram na sua empresa você consegue atendê-los e repor estoque rapidamente.

 

Em resumo:

Giro de estoque e Gestão de Estoque são duas grandezas diretamente proporcionais, isto quer dizer que: quanto maior o giro de estoque melhor é a gestão de estoque.

 

Leia também:

Os 10 Mandamentos da Gestão de Estoques

 

3 Dicas Para Solucionar Problemas de RUPTURA DE ESTOQUE

 

10 Oportunidades Escondidas nos Tempos de Crise

Espero ter ajudado!

 

Se você tiver alguma dúvida escreva para mim luchezzi@luchezzi.com terei o maior prazer em responder. 

 

 

Um Grande Abraço!

Força, Fé, Coragem, Perseverança, Amor, Disciplina, Atitude e Otimismo

Celso Luchezzi